Vocábulos - Alma do Poeta: Visita noturna (Mário Bróis)

20 de out de 2011

Visita noturna (Mário Bróis)

- ôi, quem é?
- sou eu, a noite!
- estás acompanhada?
- sim, com a madrugada.
- e não é a mesma coisa?
- não, a diferença está no silêncio
que âs vezes é agredido
por gritos de sooooooocorro
ou pela sirene de viaturas e ambulâncias
também, às vezes fica inquieta e triste
pelos curumins (abondonados ao léo)
chorando com fome e carentes de afeto.
- sim! mas o que queres?
- repousar na sua poesia.
- minha poesia precisa de inquietação
não de repouso.
- não é bem isto; venho em nome de parceria
- e quem representas?
- Luciene Lima.
- tem sobrenome?
- sim, PRADO
- ah! tu falas da DAMA dos vocábulos?
- é, ela é fruto de várias reencarnações
por causa benevolente, da poesia
ela já tentou fugir dos escritos
mas eles estão presentes, ao seu lado
nos momentos mais brilhante das inspirações.
- mas, qual é a mensagem?
- mais um dueto
algo em torno de LÍRIOS e PRADOS.
- então, noite que a mim pertence
e aos notívagos em sentinela
fala para a dama
que envie primeiro os escritos dela
aí eu pegarei carona no enredo.
3 - Série: construindo vocábulos - desaguando em poesia. Primeira epígrafe:Verssando a poesia.
Há quem disse:
"a poesia é a leitura do mundo"

Ela
é um mundo de delírios
sagrados ou profano
emergentemente nos socorre
na solidão
do nosso eu ou nosso lar
ou ainda; no encanto do deserto ermo

Para mim, ela (a poesia)
é um elemento
que dá vida, roupagem e melodia
aos vocábulos

Ela percorre
os sete mares
explode pelos ares
ecoando civilizações.
Também transita em rodovias
e no calor do asfalto
evapora em forma de louvor
agradando ao Rei dos Reis (nosso Senhor)
a milicia celeste e a falange de anjos.
Também transita em ferrovia
e no atritar dos trilhos do trem
ela solta centelhas
de sabedoria e ensinamentos
alertando nações e mais nações.

Até o sábio Salomão (filho de Davi)
se deliciou com a poesia
en Cântico dos Cânticos
transformando as rosetas dos seios
das virgens semi-penetráveis
em uvas salientes e degustáveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.