Vocábulos - Alma do Poeta: Pai (ditongo crescente)

20 de out de 2011

Pai (ditongo crescente)


 ()()()()()()()()()()()()()()()()()
                                                   ()()()()()()()()()()()()()()()()()()()


Pai
eterno gerador de opiniões

Quando presente
filhos contentes
quando susente
filhos carentes

Pai
reprodutor genético

Quando em silêncio:
planejando, pensando melhor
(para a família), elaborando
projetos, perturbado com o sustento

Pai
gerador de guerras

Bravo, brando, desbravador
artífice da indústria e da ciência
liderança trabalhista e comunitária
seu enredo? sua família

Pai
propiciador de paz

Unindo nações
envangelizando continentes
alfabetizando Áfricas adentro
dominando países, feito presidentes

Eternamente pai
onde da memória
nunca, nunca, sai

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.