Vocábulos - Alma do Poeta: Feito Salvador Dali

20 de out de 2011

Feito Salvador Dali

Vivo
a intensidade
do que me dá prazer
...tanto faz me querer
como deixar de me ter

Sou
compenetrado
comigo mesmo
e ao olhar-me
pela ótica do horizonte
me sinto verticalmente
dentro de mim
e de mim para a humanidade

Na
verdade
nossa alma
não deixa de ser um anjo
e o espírito um anjo encantado

Quando
eu via
o pavio do candeeiro
da minha avó; em riste
sentia que havia a presença
de algo além do vento,
quando se movimentava,
da chama eu me inspirava
e dizia: dentro dela 
sou facho
sou luz
sou clarão
sou inflamável

acima de tudo amável...

BRÒIS)>>

9 comentários:

  1. Mário Bróis, meu Bróder Poeta...

    É uma satisfação enorme estar aqui e poder comentar um trabalho tão brilhante como o seu. São poemas que não acabam mais e cada um vibra com a sua intensidade, o seu amor pela escrita e despeja vocábulos como uma cachoeira de amor pela arte.
    Esse seu poema é VOCÊ em todos os sentidos, e digo mais, você o termina dizendo: -"Sou acima de tudo amável"... eu diria que você é amável, amigo, companheiro, cúmplice, apoia a todos que precisam e agrada de forma carinhosa cada uma das pessoas que compartilham com você as poesias e os momentos de alegria que tudo isso nos proporciona.
    Como eu já disse, bróder, sou seu FÃ Nº1... se alguém quiser roubar esse título eu não vou permitir...rsrsr

    Abraços*, seja feliz, aproveite tudo por aqui e esteja com Deus. Ah! E principalmente, nunca se esqueça de que você não pode perder essa sua essência, essa sua humildade e esse seu amor por tudo e por todos... nunca deixe de ser o que você é meu amigo.
    Parabéns por tudo e obrigado por me permitir ser seu amigo!!!

    ResponderExcluir
  2. Amigo tão querido!!!
    Espero que você esteja muito feliz!!
    Vai ser uma briga danada, pois vc tem uma dezena de fãs número 1. rsrsr
    Eu digo sem medo, que sou tua fã número 0001!!! rs
    Estou demais feliz por você meu amigo do coração...este blog está tão lindo como você meu amigo!!!
    Vou estar por aqui sempre!!! Lendo, comentando e aplaudindo!
    QUE BLOG LINDOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!
    Beijão carinhoso meu amigo querido
    Bea

    ResponderExcluir
  3. Meu querido amigo,
    é um prazer enorme estar postando aqui no teu blog.E que lindo blog em?
    Ja estava mesmo na hora de você ter o teu espaço,realmente foi um presente muito bem pensado!
    Sei que você fará desse lugar,uma extensão da ''nossa casa'',afinal todos nós estaremos sempre aqui prestigiando vc!!!
    Parabéns amigo querido
    vc merece!!!

    ResponderExcluir
  4. Mario,você é daquelas pessoas especiais que tanto amamos.Ler seus poemas, comentários é acreditar que existem pessoas boas que prezam a paz.
    Abraços fraternos,
    Beki

    ResponderExcluir
  5. oie Mario , meu amigo Mario que lindo Blog!!!!.que linda poesia...um cantinho criado com mto amor.para uma pessoa que so distribui amor por onde passa.parabéns!!!! um beijo no seu coração

    ResponderExcluir
  6. Poeta

    Aqui estou prestando a minha homenagem neste blogue que é bordado com as mãos da amizade.

    Um beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  7. Mário, ficou maravilhoso seu blog, parabéns, você merece. Eu já comentei este seu poema, lá na Casa da Poesia, mas nunca é demais dizer o quanto ele ficou primoroso, algumas expressões que você criou são de fazer pensar, como por exemplo: ...E ao olhar pela ótica do horizonte/Me senti verticalmente dentro de mim... ou...senti que havia a presença de algo além do vento...muito criativo. Abraço e, conte-me como seguidor de seu blog; aproveito para convidá-lo para visitar o meu blog, aí vai o endereço: www.manoeldealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Mário, que poema lindíssimo meu amigo poeta! Parabéns por teus escritos! Já sou fã!

    Grande abraço aqui do amigo Bruno Õ/

    ResponderExcluir
  9. - É na verdade, uma cadeia de emoções cada comentário, aqui registrado. Esta é minha primeira digitação no meu blog, dizer que comentários encanta qualquer poeta, por eles tenho apreço e dedicação. Grato a todos que aqui manifestaram vocábulos de extrema sensibilidade poética e recheados de altruísmo. Mário Bróis.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.