Vocábulos - Alma do Poeta: Brincando com os poetas amigos - part II

20 de out de 2011

Brincando com os poetas amigos - part II


(<(<(<(<)>)>)>)>(<(<(<(<)>)>)>(<(<(<)>)>)>(<(<(<)>)>)>(/strong>

Do
universo poético
de Manuel Brazão
descobri que o amor
é algo maior que a razão

E
que aliado
a Simone e Beki Bassan
percebemos que não foi só Eva
que provou do pecado da maçã

Das
poesias
que o mundo aspira
nunca fiquei só
tô sempre arrodeado
de escultores de vocábulos
artesãos de versos e mais versos 
onde reina reflexões,
cenas do cotidiano, narrativas em prosa
e contos e mais contos e mais contos...

Neste sentido
cada poema
de Marilândia Rollo
até ourives se perde
no brilho do ouro

Da singular
e estridente
poesia de Anna Carvalho
...ah!!!!.. cada vocábulo
da manhã um orvalho

Da beleza
estonteante
 de Rosi Mori
descobri que cada verso
acompanha a nota mi

E da
súbita intelectualidade
de Luciah Lópes
descobri que a poesia
não precisa de envelopes





Aguardem part - III

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.