Vocábulos - Alma do Poeta: Poesia e poros

20 de out de 2011

Poesia e poros


Aurora que luta
          por um arrebol
                     de cores vibrantes
                                   e ar soberano (Zé Ramalho)
----------------------------------------------------

Deixe
que a poesia
penetre em sua vida
assim sendo
seu coração será fragmentado
por sentimentos, onde
a razão e a emoção
andarão em parceria, unidas

Deixe-a adentrar-lhe
pelos poros, feito fragância
ela tem  o poder místico
de nos conduzir ao delirado
mundo do imaginário
onde reside o inconciente
silencioso por Supremacia
guardando segredos inusitados
porém desmistificados

Permita uma experiência
deixe-a fazer parte do seu dia-a-dia
aí verás que a beleza
das coisas minuciosas
são deleitáveis aos nossos olhos
assim como fora aos olhos de Cristo
ao deparar-se com um vale de lírios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.