Vocábulos - Alma do Poeta: Da ssérie: Um cordel a mais.

20 de out de 2011

Da ssérie: Um cordel a mais.


 Mote
Nade é mais preocupante
que a revolta dos sete mares

            Glosa

Do big-band
ao pau-brasil
dos marcianos
aos potiguares
da descoberta do fogo
à queda do comunismo
da ascenção da democracia
a corrupção aos olhares
nada é mais preocupanrte
que a revolta dos sete mares

Do boom da ciência
ao pêso na conciência
dos tsunamis agitados
aos tornados nos ares
da perversidade dos maus
às transgressões dos ímpios
da marginalidade solta
aos assaltos sem pesares
nada é mais preocupante
que a revolta dos setes mares

Dos terremotos no Oriente
a estiagem no nosso Nordeste
dos tufões no Arizona
à quedas interestelares
das descaregas na Argentinaa
ao terrorismo dos mulçumanos
do submundo do tráfico
à invasão de rastafares
nada é mais preocupante
que a revolta dos sete mares

Da crise econômica mundial
aos filhos dos holocaustos
dos mendingos pedintes
aos jogos de azares
da boca que grita por sede
do estomago que grita fome
do psicopatra auto-suicida
que pula de dez andares
nada é mais preocupante
que a revolta do sete mares

Da prostituição instaurada
aos dependentes químicos
das epidemias que invadem
matando aos milhares
dos invejosos sarcásticos
aos mentirosos indiscretos
da falta de crença do ateu
que tão em todos  lugares
nada é mais preocupante
que a revolta dos sete mares

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.