Vocábulos - Alma do Poeta: Gravidade e sonhos.

1 de jun de 2012

Gravidade e sonhos.

 E
a vida
se faz adrenalina,
no porvir duma menina,
retroagindo sonhos
buscando espectativas
flutuando feito ar
na esquina
da pedra
angular

E
a menina
desafia a gravidade
e se expôe ao céu
e do alto mDeus
envia-lhe uma unção,
com a luz do seu Espírito
a penetrar nos poros
da menina
que agora cresceu
e deixa saudades
na memória
do pai'poeta.

11 comentários:

  1. Nusssssss. Que poesia tremenda, sinto-me honrada por ser-te inspiração...
    Obrigada Pai, eu fico sempre sem palavras, só lisonjas,lisonjas claro,sempre!!!!!
    Bj, te amo

    ResponderExcluir
  2. É realmente lindas as poesias inspiradas pelo Pai de uma bela mulher...
    Abraços Poeta Mário Bróis!

    ResponderExcluir
  3. Sublime poesia!

    Lu, é ruim a pessoa provar que é robê. Quando puder, desative essas letrinhas. Permita que robôs também possam postar.


    Abrçaos.

    ResponderExcluir
  4. - e então Luciene, eu também acho um saco, como devo fazer para tal, inclusive não sabia qua aqui também tinha essa de robê, mas não sei baseado em que a blogspot e outros, criou este item, deve haver motivos; mas que é chato é. No mais grato pelo comentário, pela visita. Deus esteja contigo.

    ResponderExcluir
  5. - Coinha, se eu fosse dar ênfase às inspirações que já tive contigo, a página seria pequena para tais fins rsrs, entendes; nossa amizade vai além de pai e filha. Beijos D'pai.

    ResponderExcluir
  6. - Júnior, grato sempre pelos seus comentários, iluminando mais ainda os poemas. Deus continue contigo.

    ResponderExcluir
  7. Já me puxaram a aorelha no blog de poesias. Então dei um jeito. Ma sno d eprosa, eu não me dei conta. Então Arnaldo leles falou a respeito. Consertei. E como sempre qualquer pessoa pode comentar, não importa se seja anônimo (viva os anônimos), robôs, traficantes, políticos, qualquer pessoa enfim, rs.

    Passos: 1º: Clique em nova postagem. 2º: No canto superior esquerdo clique no nome do seu blog. 3º: Clique em configurações. 4º: Clique em postagens e comentários. 5º: Desabilite verificação de palavras. Acho que é isso.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. - Valeu poetisa do Recôncavo baiano, qualquer dia desses a chuva chega por aí, limpando a sujeira da terra, e aguando agricultura, nosso sutento que alimenta rsrs. Grato pela força.

    ResponderExcluir
  9. Pai e poeta o fruto desse conjunto daria isso lindos versos. Ainda mais te conhecendo, sabendo o maravilhoso pai que foste. Te desejo todo sucesso, parabéns, bj

    ResponderExcluir
  10. - Valeu Nenem, um comentário encorajador e brelo. Sou feliz pelas filhas que tenho. Grato.

    ResponderExcluir
  11. Õ, Lu, eu sou da Jóia do Sertão Baiano, A Suiça Baiana, A capital do sodoeste da Bahia: VITÓRIA DA CONQUISTA!

    Abraços.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.