Vocábulos - Alma do Poeta: Beli, Beli.

16 de ago de 2012

Beli, Beli.

do
teu
sorriso
faço minha
alegria de viver
do teu olhar doce delírio
a adentrar em minhas retinas
feito báslsamo benigno, esplalhando
aromas, perfumando ambientes e mais e mais

Beli
não fosse
a tua beleza que
seria da humanidade; adoro
teu olhar no meu olhar.  Assim contem
plando tua beleza, me sinto também maisbelo
do que o que sou.  Beli, Beli, querida sobrinha de ti
não quero nada, a não ser um cheiro e um abraço teu. só
assim a humanidade irá perceber que o quer rege nossa atmosfera
é o calor humano; disso nunca me engano, beijos do tio Mário Bróis, poeta.

7 comentários:

  1. Um convite ao Amoe e Sensualidade. Parabens, pelo texto. Estou cá, lhe deixando um convite Passei por aqui, para lê o seu blogue.
    Admirável. Harmonioso. Eu também estou montando um. Não tem as Cores e as Nuances do Vosso. Mas, confesso que é uma página, assim, meia que eclética. Hum... bem simples, quase Simplória. E outra vez lhe afirmo. Uma página autentica e independente. Estou lhe convidando a Visitar-me, e se possível Seguirmos juntos por Eles. Certamente estarei lá esperando por você, com o meu chapeuzinho em mãos ou na cabeça.
    Insisto que vá Visitar-me, afinal, o que vale são os elos dos sorrisos.

    www.josemariacosta.com

    ResponderExcluir
  2. Salve salve, Tio! que honra que ler essas palavras vindo do senhor! Parabéns, sucesso sempre! um beijão. "Beli, Beli."

    ResponderExcluir
  3. Estimado, Mário
    Vim agradecer de coração por ter comentado no meu blogue. Estou feliz, com o seu comentário lá. Tenha um fim de semana agradavel.Sorte-

    ResponderExcluir
  4. Lindos versos meu amigo, partindo do coração direto a sua querida sobrinha. Bela homenagem para alguém especial e linda como a foto mostra. Um bom final de semana e até. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. - Suzana, que saudade, desculpe a demora; tenho tido pouco tempo de vir aqui. Grato pela sua presença.

    ResponderExcluir
  6. - valeu Beli; você é o fruto deste poema. Grato.

    ResponderExcluir
  7. - José Maria, e a vida nos fez poeta e a poesia nos uniu, vamos nessa que poesia é bom a beça. Grato.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua presença aqui no meu espaço de poesia e alegria.